quarta-feira, 2 de setembro de 2009

Advérbios

Advérbio é a classe gramatical das palavras que modificam um verbo ou um adjetivo ou um outro advérbio. Raramente modificam um substantivo.
É a palavra que indica as circunstâncias em que ocorre a ação verbal. Não se flexionam em gênero e número, mas podem sofrer flexão de grau. Uma locução adverbial ocorre quando duas ou mais palavras exercem função de advérbio. Locuções adverbiais são conjuntos de palavras, geralmente introduzidas por uma preposição, que exercem a função de advérbio: às pressas, à toa, às cegas, às escuras, às vezes, de quando em quando, de vez em quando, à direita, à esquerda, em vão, frente a frente, de repente, de maneira alguma, etc.
A função do advérbio é:
Morfologicamente: é invariável, ou seja, não apresenta flexão de gênero, numero modo...
Semanticamente: expressa uma circunstancia como: lugar, tempo, modo, dúvida, afirmação, negação e intensidade;
Sintaticamente: modifica um verbo, um adjetivo, um outro advérbio ou toda uma afirmação expressa em uma frase.

A classificação dos advérbios é feita de acordo com a semântica. Podem ser distinguidas as seguintes categorias:

Advérbios sentenciais
de afirmação: sim, realmente, certamente, verdadeiramente, com certeza, de fato, efetivamente, deveras, etc.
de negação: Não, absolutamente,tampouco, de modo algum, de forma alguma, etc.
de dúvida: Talvez, possivelmente, provavelmente, hipoteticamente, quiçá, etc.

Advérbios temporais
de passado: ontem, anteontem, trás-anteontem, etc.
de presente: hoje, agora, atualmente, etc.
de futuro: amanhã, futuramente, posteriormente, etc.
de período: anualmente, semanalmente, mensalmente, eventualmente, sempre, etc.

Advérbios de lugar: 
aqui, lá, cá, aí, perto, longe, abaixo, acima, dentro, fora, além, adiante, em cima, ao lado, à direita, à esquerda, alures (= em algum lugar), alhures (= em outro lugar), nenhures (= em nenhum lugar), etc.

Advérbios de modo:
 rapidamente, belamente, tristemente, loucamente (a maioria terminada em "mente") etc.

Advérbios de intensidade:
 muito, pouco, bastante, suficiente, demais, assaz, menos, tão, de todo, etc.

As palavras nunca e jamais podem servir de advérbios temporais ou de negação, dependendo do contexto em que se inserem.
Apenas os advérbios de quantidade, de lugar e de modo são flexionados, sendo que os demais são todos invariáveis.
A única flexão propriamente dita que existe na categoria dos advérbios é a de grau, a saber:
Superlativo: aumenta a intensidade.
Exemplos: longe - longíssimo, pouco - pouquíssimo inconstitucionalmente - inconstitucionalissimamente, etc.
Diminutivo: diminui a intensidade.
Exemplos: perto - pertinho, pouco - pouquinho, devagar - devagarinho, etc.

Os advérbios "bem" e "mal" admitem ainda o grau comparativo de superioridade, respectivamente, "melhor" e "pior".
Existem também as formas analíticas de representar o grau, que não são flexionadas, mas sim, representadas por advérbios de intensidade como "mais", "muito", etc. Nesse caso, existe o grau comparativo (de igualdade, de superioridade, de inferioridade) e o grau superlativo (absoluto e relativo).

Observação
As palavras "muito", "pouco" e "tanto" também podem ser pronomes indefinidos, e além disso são invariáveis . A diferenciação é fácil: podendo variar em gênero ou plural, serão pronomes indefinidos; quando forem invariáveis, serão advérbios.

Não confundir advérbio interrogativo com pronome interrogativo. Usar mesma regra para diferenciação que a usada para as palavras "muito", "pouco" e "tanto":
Eu estou MUITO feliz.
Ele/ela está MUITO feliz.
Eles/elas estão MUITO felizes.
Nós estamos MUITO felizes.
Em todos os exemplos, o "muito" não muda no singular feminino a penas no masculino outros não muda no plural masculino só no feminino.

"Melhor" e "pior" não são as formas irregulares do grau comparativo dos advérbios "bem" e "mal". Porém, se estão juntos de adjetivos ou particípios, usam-se as formas "mais bem" e "mais mal". Exemplos:
Ele está melhor.
Ele está pior.
O seu trabalho está mais bem feito que o meu.
O seu trabalho está mais mal feito que o meu.

Quando na mesma frase há dois ou mais advérbios terminados em mente, o sufixo é colocado somente no último.
Ex. Ela fez tudo fria e cruelmente.

Atividades


1. Leia o texto abaixo e escolha a alternativa correta:
Em primeiro lugar, é necessário entender o aluno. Igualmente, o aluno deve entender o professor. Também os funcionários devem ser respeitados. Consequentemente, teremos uma escola mais saudável e produtiva”.
Os termos em destaque podem ser substituídos, respectivamente, por:
a) primeiramente, ademais, além disso, em suma
b) acima de tudo, também, analogamente, finalmente
c) primordialmente, similarmente, segundo, portanto
d) antes de mais nada, da mesma forma, por outro lado, por conseguinte
e) sem dúvida, intencionalmente, pelo contrário, com efeito

2. Substitua as expressões destacadas pelos respectivos advérbios:
Modelo: Falar com perspicácia e delicadeza     =>  Falar sutilmente
a) Agiu de forma ingênua e idealista.                       (1) concisamente
b) Eliminou os problemas pela base.                       (2) radicalmente
c) Exprimir-se de forma resumida e exata.              (3) prolixamente
d) exprimir-se de forma longa e difusa.                   (4) quixotescamente

3. Em “Ele é um rapaz muito alto” o termo destacado funciona como adjetivo. Escreva uma frase em que a palavra alto funcione como advérbio.

4. Utilize os advérbios e locuções adverbiais do quadro, para acrescentar às frases seguintes, segundo as indicações:
à vontade                   certamente                 na Bolsa
aqui         lá                hoje à tarde                   às pressas

a) (advérbio de afirmação), (locução adverbial temporal), os valores da bolsa subirão.
b) Os corretores negociam (locução adverbial de modo) (locução adverbial de lugar)
c) (advérbio de lugar), no meu canto, ninguém faz bagunça; (advérbio de lugar), do outro lado, podem ficar (locução adverbial de modo).

5. Relacione o advérbio em destaque com a circunstância expressa por ele:
a) Não dá pra passear com ele, anda muito depressa. (1) intensidade
b) Acaso você saberia onde encontro uma quitanda? (2) lugar
c) Esse homem reclama demais! (3) tempo
d) As encomendas ainda não chegaram. (4) dúvida
e) Mais adiante há um posto de gasolina. (5) afirmação
f) Seguiremos efetivamente por este caminho. (6) modo

6. Intensifique os advérbios em destaque com advérbios de intensidade.
a) Acordei tarde.
b) Saio de casa cedo quase todos os dias.
c) A faculdade fica longe da sua casa.
d) Não precisa ir devagar.

7. Classifique os advérbios ou locuções adverbiais em destaque:
a) As cidades brasileiras estão MAIS poluídas.
b) O festival de teatro começou ONTEM À NOITE.
c) Encontrei balas DENTRO DA CAIXA.
d) O burrinho caminhava LENTAMENTE pela estrada deserta.
e) TALVEZ aconteça uma tragédia.

6 comentários: